Generic selectors
Somente correspondência exata
Buscar nos títulos
Buscar no conteúdo
Post Type Selectors
Search in posts
Search in pages

TCU decide sobre qualificação técnica em licitação

  • 30 de março de 2022

Isso ressalta que o Acervo Técnico é peça fundamental para o profissional!

Em boletim de jurisprudência 392/2022, o TCU divulga acórdão 470/2022 que diz:

“É irregular a exigência de que a atestação de capacidade técnico-operacional de empresa participante de certame licitatório
seja registrada ou averbada junto ao Crea, uma vez que o art. 55 da Resolução-Confea 1.025/2009 veda a emissão de Certidão de Acervo Técnico (CAT) em nome de pessoa jurídica. A exigência de atestados registrados nas entidades profissionais competentes deve ser limitada à capacitação técnico-profissional, que diz respeito às pessoas físicas indicadas pelas empresas licitantes.”

O Sistema CFT/CRT’s está atento a este importante instrumento que certamente trará maior atenção dos tribunais e órgãos públicos quanto aos critérios para exigência de qualificação técnica em licitações.

A Resolução CFT 055/2019, diz:

Art. 42 – O acervo técnico é o conjunto das atividades desenvolvidas ao longo da vida do profissional compatíveis com suas atribuições e registradas no CRT por meio de termos de responsabilidade técnica.

Art. 43 – A capacidade técnico-profissional de uma pessoa jurídica é representada pelo conjunto dos acervos técnicos dos profissionais integrantes de seu quadro técnico.

Logo, acerta o magistrado quando evidencia a condição personalíssima da capacidade técnica do profissional, seu notório saber, registrado em seu acervo técnico.
Cabe à pessoa jurídica estrategicamente compor seu quadro técnico com profissionais que tenham acervo técnico.

Você, Técnico Industrial, fique atento, registre seu TRT e esteja à frente da concorrência com um acervo técnico competitivo!!

Saiba mais sobre o acórdão 470/2022
Saiba mais sobre a Res CFT 055/2019

Últimas notícias

Palestra Escola Técnica Leiaut

Estabelecer uma Fiscalização Educativa, mais próxima da comunidade acadêmica. Cumprindo mais uma agenda da Fiscalização Educativa, dessa vez os alunos da Escola Técnica Leiaut receberam…
Ler mais...

CRT-03 é expositor confirmado na FECONSE 2022

Dias 28 e 29 de Outubro de 2022, no Centro de Convenções AM Malls - Aracaju - SE A Feira de Condomínios de Sergipe - FECONSE…
Ler mais...

ClubTec CRT-03

Quem não gosta de benefícios? Então, que tal conhecer o ClubTec? O Técnico Industrial registrado no CRT-03 pode contar com um clube de descontos exclusivo,…
Ler mais...

TCU decide sobre qualificação técnica em licitação

  • 30 de março de 2022

Isso ressalta que o Acervo Técnico é peça fundamental para o profissional!

Em boletim de jurisprudência 392/2022, o TCU divulga acórdão 470/2022 que diz:

“É irregular a exigência de que a atestação de capacidade técnico-operacional de empresa participante de certame licitatório
seja registrada ou averbada junto ao Crea, uma vez que o art. 55 da Resolução-Confea 1.025/2009 veda a emissão de Certidão de Acervo Técnico (CAT) em nome de pessoa jurídica. A exigência de atestados registrados nas entidades profissionais competentes deve ser limitada à capacitação técnico-profissional, que diz respeito às pessoas físicas indicadas pelas empresas licitantes.”

O Sistema CFT/CRT’s está atento a este importante instrumento que certamente trará maior atenção dos tribunais e órgãos públicos quanto aos critérios para exigência de qualificação técnica em licitações.

A Resolução CFT 055/2019, diz:

Art. 42 – O acervo técnico é o conjunto das atividades desenvolvidas ao longo da vida do profissional compatíveis com suas atribuições e registradas no CRT por meio de termos de responsabilidade técnica.

Art. 43 – A capacidade técnico-profissional de uma pessoa jurídica é representada pelo conjunto dos acervos técnicos dos profissionais integrantes de seu quadro técnico.

Logo, acerta o magistrado quando evidencia a condição personalíssima da capacidade técnica do profissional, seu notório saber, registrado em seu acervo técnico.
Cabe à pessoa jurídica estrategicamente compor seu quadro técnico com profissionais que tenham acervo técnico.

Você, Técnico Industrial, fique atento, registre seu TRT e esteja à frente da concorrência com um acervo técnico competitivo!!

Saiba mais sobre o acórdão 470/2022
Saiba mais sobre a Res CFT 055/2019

Últimas notícias

Palestra Escola Técnica Leiaut

Estabelecer uma Fiscalização Educativa, mais próxima da comunidade acadêmica. Cumprindo mais uma agenda da Fiscalização Educativa, dessa vez os alunos da Escola Técnica Leiaut receberam…
Ler mais...

CRT-03 é expositor confirmado na FECONSE 2022

Dias 28 e 29 de Outubro de 2022, no Centro de Convenções AM Malls - Aracaju - SE A Feira de Condomínios de Sergipe - FECONSE…
Ler mais...

ClubTec CRT-03

Quem não gosta de benefícios? Então, que tal conhecer o ClubTec? O Técnico Industrial registrado no CRT-03 pode contar com um clube de descontos exclusivo,…
Ler mais...